Veja quanto os preços dos combustíveis já subiram no 1º terço de 2022

Preço do diesel foi o que mais subiu percentualmente entre janeiro e abril, seguido por GNV, gasolina e etanol. Veja percentuais e valores médios
Por Jornalista Convidado
16.05.2022 às 08h:00 • Att. há cerca de cerca de 2 meses
Preço do diesel foi o que mais subiu percentualmente entre janeiro e abril, seguido por GNV, gasolina e etanol. Veja percentuais e valores médios

Por Felipe Oliveira

O preço do diesel foi o que mais subiu no primeiro quadrimestre de 2022, chegando a atingir a média de R$ 6,744 por litro na segunda semana de maio, segundo dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustível). 

De janeiro, quando custava, em média R$ 5,497, até a primeira semana de maio, o preço do combustível derivado do petróleo usado por utilitários pesados ou leves ficou 22,6% mais caro nos postos de combustível do país.

O preço da gasolina comum também apresentou diversos aumentos ao longo do ano, chegando a atingir a média de R$ 7,297 por litro, segundo a ANP. Assim, contabilizando os quatro primeiros meses do ano mais os primeiros dias de maio, os reajustes acumularam um percentual de praticamente 10%.

Anuncie seu carro na Mobiauto 

O etanol não apresentou tanta diferença no preço médio entre janeiro e maio: custava R$ 5,308, em média, no primeiro mês do ano, e R$ 5,382 no início de maio. A alta acumulada em quatro meses, portanto, foi de apenas 1,39%. 

Contudo, o etanol é o combustível que apresenta a maior diferença entre os valores mínimo e máximo comercializados. Em fevereiro, foi possível encontrar um posto de combustível vendendo o litro por R$ 3,770, enquanto um outro comercializava por R$ 7,699, ou seja, quase R$ 4 e mais de 100% de diferença. 

Já o GNV (Gás Natural Veicular) chegou ao preço médio de R$ 5,240 na segunda semana de maio, um aumento de 17,6% ante os R$ 4,452 registrados no princípio de janeiro.  

A pesquisa da ANP contempla todos os estados do Brasil e o Distrito Federal. A frequência é semanal, e os preços são coletados por especialistas nos três primeiros dias úteis de cada semana. Ao final do mês, a agência faz um cálculo mensal. 

Leia também: Brasileiro gasta quase 2 salários mínimos por mês só para manter um carro

Preço do diesel foi o que mais subiu percentualmente entre janeiro e abril, seguido por GNV, gasolina e etanol. Veja percentuais e valores médios

Confira a evolução dos preços da gasolina no país de janeiro até a primeira semana de maio:  

Gasolina 

Janeiro: Médio - R$ 6,635 / Mínimo - R$ 5,489 / Máximo - R$ 8,029  
Fevereiro: Médio - R$ 6,600 / Mínimo - R$ 5,579 / Máximo - R$ 7,999
Março: Médio - R$ 7,012 / Mínimo - R$ 5,190 / Máximo - R$ 8,949
Abril: Médio - R$ 7,245 / Mínimo - R$ 6,099 / Máximo - R$ 8,599
Maio: Médio - R$ 7,297 / Mínimo - R$ 6,199 / Máximo - R$ 8,990

Etanol

Janeiro: Médio - R$ 5,308 / Mínimo  R$ 4,099 / Máximo - R$ 7,797
Fevereiro: Médio - R$ 4,744 / Mínimo - R$ 3,770 / Máximo - R$ 7,699
Março: Médio - R$ 4,842 / Mínimo - R$ 3,770 / Máximo - R$ 7,989
Abril: Médio - R$ 5,326 / Mínimo - R$ 4,099 / Máximo - R$ 7,700
Maio: Médio - R$ 5,382 / Mínimo - R$ 4,200 / Máximo - R$ 7,899 

Diesel

Janeiro: Médio - R$ 5,497 / Mínimo - R$ 4,070 / Máximo - R$ 6,905
Fevereiro: Médio - R$ 5,592 / Mínimo - R$ 4,349 / Máximo - R$ 6,985
Março: Médio - R$ 6,288 / Mínimo - R$ 4,599 / Máximo - R$ 7,980
Abril: Médio - R$ 6,602 / Mínimo - R$ 4,999 / Máximo - R$ 7,979
Maio: Médio - R$ 6,744 / Mínimo - R$ 5,499 / Máximo - R$ 8,387 

GNV

Janeiro: Médio - R$ 4,452 / Mínimo - R$ 3,179 / Máximo - R$ 6,299
Fevereiro: Médio - R$ 4,635 / Mínimo - R$ 3,179 / Máximo - R$ 6,821
Março: Médio - R$ 4,726 / Mínimo - R$ 3,179 / Máximo - R$ 6,821
Abril: Médio - R$ 4,764 / Mínimo - R$ 3,179 / Máximo - R$ 6,880
Maio: Médio - R$ 5,240 / Mínimo - R$ 3,179 / Máximo - R$ 7,429

Leia também: “Gasolina caseira”: já tem brasileiro fazendo, mas riscos são enormes

Evolução do preço da gasolina

Em janeiro de 2022, o preço médio da gasolina era de R$ 6,635, com o valor mais baixo encontrado pela agência sendo de R$ 5,489, enquanto o mais alto foi de R$ 8,029. Já até a segunda semana de maio, o valor médio da gasolina no Brasil foi de R$ 7,297, o que significa uma alta de exatos 9,97% desde o início do ano.  

Na primeira semana de maio, o menor valor encontrado para gasolina entre os postos de combustível do país foi de R$ 6,199, enquanto o mais caro foi de R$ 8,599.  

No comparativo entre os cinco primeiros meses, fevereiro foi o único que registrou queda no valor médio, baixando de R$ 6,63, em janeiro, para R$ 6,60. Já o valor mais alto encontrado foi em março, com o litro da gasolina chegando a custar R$ 8,949 em postos do Brasil.

Leia também: Sete riscos muito graves de rodar com pneu careca até em pista seca

Combustível corresponde a 41% do gasto de brasileiro com carro  

O combustível é maior vilão entre os gastos do brasileiro com carro. O estudo “inflação do carro”, da Agência Autoinforme, apontou que a despesa dos motoristas com combustível corresponde a 41,07% do gasto mensal com carro – algo em torno de R$ 826, 82 por mês.  

Segundo o levantamento, que analisou o preço de produtos e serviços automobilísticos, o brasileiro gasta, em média, R$ 2.013,08 por mês para rodar e fazer manutenção de um carro compacto seminovo.

Imagens: Shutterstock

Você também pode se interessar por:

As surpresas de viajar com a família toda num carro de 7 lugares
Por que velhos motores aspirados estão mais econômicos que os turbo?
Um em cada 5 recursos contra multa de trânsito é aceito. Veja como fazer
Jeep Renegade T270 2022: custos de revisão, seguro e peças de manutenção

Preço dos combustíveis no Brasil
Aumento preços dos combustíveis
Preços combustíveis Brasil 2022
Preço do GNV
Preço do diesel
Preço da gasolina
Preço do etanol
Inflação nos preços dos combustíveis
rosto de óculos escuros

Comentários