Toyota Corolla Cross já vende mais que irmão sedan com motor híbrido

SUV fechou o primeiro mês cheio já no top 30, e configuração 1.8 híbrida flex respondeu por mais de 50% dos emplacamentos
Por Renan Bandeira
05.05.2021 às 19h:19 • Att. há cerca de 2 meses
SUV fechou o primeiro mês cheio já no top 30, e configuração 1.8 híbrida flex respondeu por mais de 50% dos emplacamentos

O Toyota Corolla Cross completou seu primeiro mês cheio de vendas em abril. O SUV chegou às lojas no final de março, com quatro versões e preços entre R$ 140.000 e R$ 180.000, e já aparece entre os 30 veículos mais vendidos do Brasil.

No último mês, o Corolla Cross registrou 1.889 emplacamentos. Das quatro versões, a com maior volume de vendas foi a de topo, XRX, equipada com motor 1.8 híbrido flex. Foram 939 unidades emplacadas, de acordo com o levantamento exclusivo da Mobiauto. Veja os detalhes por variante:

Anuncie seu carro sem pagar na Mobiauto

- XRX Hybrid: 939 unidades

- XRE 2.0 flex: 860 

- XRV  Hybrid: 56

- XR 2.0 flex: 34

Dessa forma, a configuração mais cara do SUV sozinha é responsável por 49,7% das vendas totais. É bem mais do que os 25% previstos pela fabricante no lançamento.

Já a versão XRE corresponde a 45,5% dos emplacamentos do veículo em abril, abaixo dos 65% previstos, seguida por XRV, com 3%, e XR, com 1,8%. A expectativa para essas duas últimas era que alcançassem 5% cada.

Leia também: Toyota Corolla Cross: afinal, o nome mais ajuda ou atrapalha?

Na somatória, as versões híbridas flex corresponderam a 52,7% de todos os emplacamentos, e as totalmente a combustão ficaram com 47,3%.

SUV fechou o primeiro mês cheio já no top 30, e configuração 1.8 híbrida flex respondeu por mais de 50% dos emplacamentos

Esses números do primeiro mês mostram que as opções híbridas do Corolla Cross venderam mais até do que o Corolla sedan com a mesma motorização.

Segundo dados exclusivos da Mobiauto, no último mês o Corolla Altis Premium Hybrid teve 560 unidades emplacadas e o Altis Hybrid, 110. No total, 670 exemplares, contra 995 do irmão SUV nas versões XRV e XRX.

Vale lembrar que, em abril, as configurações híbridas do SUV tiveram um empurrão nas vendas graças aos emplacamentos da série especial de lançamento, que tem como base a opção XRX. No próximo mês, o volume deve ser reduzido, mas ainda assim deve seguir com proporção mais alta no SUV do que no sedan.

Leia também: Toyota Corolla Cross vs sedan: vale pagar R$ 20.000 a mais pelo SUV?

O Corolla Cross pode ser comprado nas versões XR, XRE, XRV e XRX. As duas primeiras são movidas pelo motor 2.0 flex de 169/177 cv (gasolina/etanol) e 21,4 kgfm (qualquer combustível); as outras empurradas pelo 1.8 híbrido flex de 123 cv combinados, sendo 101 cv e 14,5 kgfm gerados pelo propulsor a combustão, e 72 cv e 16,6 kgfm pelo elétrico (o torque combinado não é divulgado) - veja mais detalhes aqui.

Talvez você também se interesse: 

Carros automáticos mais vendidos no Brasil: SUVs dominam ranking
Os 20 carros com motor turbo mais vendidos no Brasil
Carros mais vendidos em 2020 por categoria: hatch, SUV, sedan e picape
Carros mais vendidos de 2010 vs 2020: menos carros populares, mais SUVs  


Corolla CrossCorolla Cross 2022SUV da ToyotaRival do CompassVendas do Corolla CrossVendas do Corolla Cross híbridoCarros híbridosCorolla Cross híbridovolume de vendas Corolla Cross híbrido

Comentários