Comparativo: vale a pena comprar o novo Nissan Versa no lugar do Kicks?

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?
Por Renan Bandeira
11.12.2020 às 14h:08 • Att. há 3 meses
Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

O novo Nissan Versa estreou no mercado nacional neste ano. Renovado e com linhas que se adequam à nova filosofia de design da marca, a nova geração do sedan compacto chega com uma proposta diferente do antecessor, trazendo interior mais requintado e não sendo fielmente um veículo de entrada.

Ele é fabricado no México e chegou para brigar com Chevrolet Onix Plus, Volkswagen Virtus e Hyundai HB20S - ainda que tenha desvantagem pela ausência do motor turbo. Além disso, há também um duelo em família com o Kicks, já que possuem preços parecidos mesma motorização e muitos componentes compartilhados.

Confira o valor do seu carro na Tabela Fipe 

Os dois modelos são ofertados para o público que quer um veículo mais familiar, mesmo que tenham carrocerias compactas. Para a comparação, foram selecionadas as opções de topo do Versa, que teve valor reajustado nesta semana e custa agora R$ 94.490, e de entrada do Kicks, que parte de R$ 96.290.

Ambos os veículos são movidos pelo motor 1.6 quatro-cilindros flex de 114 cv de potência e 15,5 kgfm de torque, acoplado ao câmbio automático CVT, mas seus rendimentos são distintos. 

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

Trem de força igual, mas desempenho diferente. O motivo é simples: as carrocerias são distintas e implicam em coeficientes aerodinâmicos também diferentes. 

Leia também: Os melhores carros de até R$ 100 mil com motor turbo

O desenho do sedan permite que ele tenha maior facilidade para “cortar” o vento, diferente do SUV, que tem atrito maior contra o ar. O Versa tem 0.315 de cx contra 0.345 do Kicks.

O dado pode parecer irrelevante, mas na prática dá uma diferença substancial entre os modelos. Com desenho mais pontudo na dianteira, o sedan leva 10,7 segundos no 0 a 100 km/h e chega a máxima de 180 km/h, enquanto o SUV demora 12,4 segundos e tem máxima de 178 km/h.

O mesmo fator implica no consumo do veículo. O Kicks tem média de 7,7 km/l na cidade e 9,4 km/l na estrada, quando abastecido com etanol, e 11,4 km/l e 13,7 km/l, respectivamente nos mesmos percursos, utilizando gasolina.

Enquanto o Versa, tem médias de 8,0 km/l e 11,7 km/l com etanol na cidade e estrada, e com gasolina faz 10 km/l em perímetro urbano e 13,9 km/l no rodoviário. Nem mesmo a diferença de peso fez o sedan sair na desvantagem de consumo. São dois quilos de diferença, o Versa pesa 1.131 kg contra 1.129 do SUV.

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

Leia também: Os 10 carros automáticos 0 km mais baratos do Brasil

Os veículos também compartilham o sistema de suspensão, mas o conforto para os ocupantes é diferente. Mesmo com perfis de pneus mais baixos que o do Kicks, o Versa é mais confortável para o uso diário. 

A mudança está na calibragem do conjunto da suspensão, que é mais alta para o SUV e deixa o modelo um pouco mais duro. Já o sedan é mais macio, mas possui menor vão livre e ângulos inferiores para transpor obstáculos.

Suspensão: McPherson com barra estabilizadora (dianteira); eixo de torção (traseira).
Roda-pneu: 205/60 R16 (Kicks) e 205/50 R17 (Versa).
Vão livre do solo: 14,3 cm (Versa) e 20 cm (Kicks). 

As medidas dos veículos também são similares. Como pode ser visto abaixo, o entre-eixos se repete, assim como o comprimento, e apenas largura e altura são diferentes. Esta última é crucial para oferecer uma posição de dirigir elevada, algo muito buscado atualmente.

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

O ponto H mais alto deixa o Kicks com visão mais ampla do que oferece o Versa. Além disso, o SUV é o mais recomendado para passageiros altos na segunda fileira. A queda mais acentuada de teto do sedan limita o espaço interno para a cabeça dos passageiros traseiros.

Leia também: 22 SUVs que serão lançados no Brasil em 2021 

Dimensões Versa: 4.495 mm de comprimento; 1.740 mm de largura; 1.475 mm de altura; 2.620 mm de entre-eixos.
Dimensões Kicks: 4.295 mm de comprimento; 1.760 mm de largura; 1.590 mm de altura; 2.620 mm de entre-eixos.

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?
 Outro ponto que o Kicks leva vantagem é o porta-malas. A capacidade volumétrica é de 432 litros - seguindo a medição VDA - para os dois modelos, mas a usabilidade do compartimento no SUV é melhor por conta da abertura total do porta-malas. 

No caso do Versa, assim como todos os sedans, mesmo com bagageiro grande, a abertura é limitada por conta do formato do balanço traseiro.

Ainda na parte de trás dos veículos, outro ponto positivo para o Kicks: o modelo conta com limpador e desembaçador traseiro, diferente do Versa, que, como todo sedan, fica devendo o limpador do vidro de trás.

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

Painel do Kicks S

Em itens de série, o Versa leva a melhor. O motivo é simples: trata-se de uma versão de topo contra uma de entrada, e o Versa é um projeto recente. O principal ganho é em itens tecnológicos e auxílio autônomo à condução (lista completa de itens no pé do texto).

Leia também: RS e-tron GT, o Audi mais potente já criado, virá ao Brasil em 2021

Mas qual seria a melhor compra?

O novo Versa. Estamos falando de um projeto novo e que até o momento tem sido bem aceito tanto pelos proprietários da antiga geração quanto por novos compradores. A renovação deu um ganho visual ao sedan compacto, enquanto o Kicks mostra aparência desgastada e que pede mudanças (elas virão em fevereiro de 2021).

É fato que o sedan perde em versatilidade, com porta-malas mais limitado e por não oferecer espaço para a segunda fileira como o SUV, mas estamos falando de uma novidade que está adequada ao mercado, com itens de série que condizem com o que já é oferecido por outras marcas, principalmente quando se trata de tecnologias autônomas.

Além disso, na faixa de preço selecionada, o Versa é mais completo e oferece mais itens para conforto do que o Kicks, que por menos de R$ 100.000 pode ser encontrado só em versões de entrada.

Sedan e SUV compartilham motor, câmbio, suspensão e muitos itens de série, e custam quase o mesmo. Qual, então, levar para casa?

Painel do novo Versa Exclusive

Se o comprador tem como ponto crucial da compra a posição alta de dirigir oferecida por um SUV, a saída é realmente o Kicks. Mas se isso não for prioridade, o Versa Exclusive é a melhor pedida.

Outro ponto é que, embora haja uma ofensiva SUV das fabricantes, ainda existem os apaixonados pelos bons, velhos e confiáveis sedans. Com o Sentra aguardando a próxima geração, ainda sem data para desembarcar no Brasil, o Versa se torna uma boa saída - e talvez a única - oferecida pela Nissan no segmento.

Leia também: Ram 1500 será só V8 a gasolina e custará R$ 400 mil

Itens de série:

Kicks S

  • Abertura da tampa de combustível por acionamento interno
  • Abertura elétrica das portas e do porta-malas
  • Acabamento dos bancos e detalhes das portas em tecido
  • Apoios de cabeça dianteiros e traseiros separados e ajustáveis para os 5 ocupantes
  • Ar-condicionado
  • Banco do motorista com ajuste de altura
  • Banco traseiro bipartido 60/40
  • Bancos dianteiros com tecnologia Zero Gravity
  • Direção elétrica e volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade
  • Vidros elétricos com "um-toque” somente para o motorista e na descida
  • Controle eletrônico de estabilidade e tração
  • Assistente de partida em rampa
  • Central multimídia compatível com Apple CarPlay e Android Auto
  • Quatro alto-falantes
  • Controle de cruzeiro
  • TAG Sem Parar
  • Porta-malas com iluminação interna
  • Faróis com assinatura em LED
  • Retrovisores externos elétricos
  • Rodas de liga leve aro 16
  • Desembaçador e desembaçador do vidro traseiro com temporizador
  • Luz de freio em LED

Leia também: Os sedans 0 km com maiores porta-malas no Brasil

Versa Executive: 

  • Seis airbags
  • Alerta de cinto de segurança frontais e traseiros
  • Alerta de colisão frontal com assistente inteligente de frenagem
  • Visão 360° inteligente
  • Detector de objetos em movimento
  • Alerta de tráfego cruzado traseiro
  • Monitoramento de ponto cego
  • Apoios de cabeça para todos os ocupantes
  • Câmera de ré 
  • Cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores e limitadores de carga
  • Controle de tração e estabilidade
  • Faróis de neblina
  • Limpador de pára-brisa dianteiro com controle intermitente variável
  • Controle de cruzeiro
  • Alerta de objetos no banco traseiro
  • Retrovisor com aquecimento e câmera
  • Sensores de estacionamento traseiros
  • Assistente de subida em rampa
  • Central multimídia Nissan Connect de 7 polegadas compatível com Android Auto e Apple CarPlay, GPS integrado, dois tweeters e quatro alto falantes
  • Faróis em LED com acionamento automático
  • Rodas de liga leve aro 17
  • Retrovisores externos elétricos com rebatimento interno e seta integrada
  • Abertura interna do porta-malas
  • Bancos revestidos em couro sintético
  • Ar-condicionado automático digital
  • Apoios de braço frontal e central traseiro
  • Banco do motorista com tecnologia zero gravity e ajuste manual de altura
  • Banco traseiro bipartido em 60/40 e rebatível
  • Direção elétrica progressiva e volante multifuncional revestido em couro sintético com ajuste de altura e profundidade
    Computador de bordo
  • Chave presencial
  • Partida do motor por botão
  • Desembaçador do vidro traseiro com temporizador
  • Iluminação interna frontal e central
  • Indicador de temperatura externa
  • Quadro de instrumentos parcialmente digital com tela multifuncional de 7 polegadas
  • Porta-malas com iluminação
  • Vidros elétricos com função “um-toque” só para o motorista e para a descida

[video] 

Talvez você também se interesse: 

Nissan V-Drive 2021: Versa usa tática de Onix e Uno com novo nome
Onde o novo Nissan Versa ganha ou perde de Onix Plus e Virtus

Novo Peugeot 208 de entrada ou Chevrolet Onix e Hyundai HB20 de topo?

Os sedans 0 km com maiores porta-malas no Brasil

Mobiauto: um jeito inteligente de comprar carro

carro suvcarro sedansuv compactosedan compactonissan kicksnissan versanovo nissan versa
Comentários