As 6 melhores picapes 4x4 cabine dupla entre R$ 50 mil e R$ 60 mil

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos
Por Camila Torres
02.12.2020 às 13h:56 • Att. há cerca de 2 meses
Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Pensando em quem busca uma picape 4x4, a diesel, com cabine dupla, mas não pode pagar os mais de R$ 200 mil pedidos pelos modelos 0 km atuais, resolvemos ajudar no garimpo de modelos usados na faixa entre R$ 50 mil e R$ 60 mil.

Seja para aventuras off-road ou para transportar cargas de até 1 tonelada em terrenos um tanto hostis, selecionamos as seis melhores opções do mercado nessa faixa de preço. Para deixar a lista mais arejada, separamos apenas modelos com menos de 15 anos no mercado. 

O segmento de picapes, mesmo depois de tantos anos, continua em ascensão no Brasil. Desde a década 50 há caminhonetes produzidas em território nacional. Porém, o valor das picapes zero-quilômetro tamanho família e com um bom desempenho não estão nem perto de um patamar acessível. Então, por que não recorrer a um modelo usado?

Não estranhe alguns modelos não estarem na lista, como por exemplo a Ford F-250, pois não encontramos uma versão com motor potente que se encaixasse no limite de preço estipulado para essa lista e que tivesse sido produzida depois de 2005.

Os valores são da Tabela Fipe Mobiauto, e podem sofrer alguma alteração para mais ou para menos dependendo da região, estado de conservação do veículo, quiometragem, entre outros fatores. Esclarecimentos feitos, é hora de “listar”.

As seis melhores picapes de até R$ 60 mil a diesel, 4x4 e com cabine dupla

1. Chevrolet S10 Colina 4x4 2.8 Turbo Electronic Manual (Cab Dupla) 2012

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ 50.326

Combustível: diesel

Desempenho: 140 cv e 34,7 kgfm de torque / 0 a 100 km/h em 13,2 segundos

Consumo: 9 km/l na cidade e 12 km/l na estrada

Entre as picapes na faixa de R$ 50 mil, uma das representantes que mais se destacam é a Chevrolet S10. Com uma história de respeito, a picape completou 25 anos de existência em 2020. 

Leia também: Chevrolet Silverado, Ram 1500 e Ford F-150: picapes grandes vêm ao Brasil?

A picape sempre foi produzida na fábrica de São José dos Campos (SP), e completou seu quarto de século atingindo a marca de 1 milhão de unidades produzidas, sendo 750 mil apenas para atender o mercado nacional. 

Apesar de a Chevrolet ter apresentado recentemente a picape de cara nova, já que passou pelo segundo facelifit da atual geração, a S10 de 2012, último ano-modelo da geração antiga, ainda é uma boa opção para quem busca uma picape por um valor mais acessível.

Errata: no texto original, colocamos a S10 2012 desta lista como portencente à geração atual da picape. Na verdade, é uma versão ainda da geração anterior.

Confira ofertas da Chevrolet S10 perto de você

2. Ford Ranger XL 4x4 3.0 Manual (cab. dupla) 2012

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ 52.861

Combustível: diesel

Desempenho: 163 cv e 38,7 kgfm de torque / 0 a 100 km/h em 12,9 segundos

Consumo: 9 km/l na cidade e 13 km/l na estrada

Entre as picapes potentes na faixa de R$ 50 mil, a Ford Ranger é uma das opções mais consolidadas. O seu motor 3.0 é capaz de entregar 163 cv e levar a picape de 0 a 100 km/h em 12,9 segundos. 

Leia também: As picapes mais fortes do Brasil (já com as novas Amarok V6 e Hilux)

Esse é um modelo que tem vários fatores a favor, como desempenho acima da média, consumo satisfatório e, por fim, um valor atraente. Lembrando que se trata do último-ano modelo da penúltima geração da Ranger.

A Ford Ranger chegou ao Brasil importada dos Estados Unidos em 1994 e caiu nas graças do público. Atualmente vinda da Argentina, também pertence ao grupo de picapes veteranas respeitadas, junto de S10, Toyota Hilux e Mitsubishi L200.

Confira ofertas pertos de você da Ford Ranger

Errata: na reportagem original, a imagem relacionada à Ranger mostrava erroneamente uma unidade ano-modelo 2013, da atual geração. A imagem já foi corrigida para um modelo da geração correspondente à versão indicada.

3. Mitsubishi L200 Triton Sport HPE 4x4 3.2 Manual (cab. dupla) 2008

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ 54.648

Combustível: diesel

Desempenho: 165 cv e 38,1 kgfm de torque

Consumo: 10,8 km/litro na cidade e 15,4 km/l na estrada

A Mitsubishi L200 Triton Sport 2008 pertence à quarta geração (2005 – 2017), uma das mais respeitadas do modelo. Essa era da picape se destacou graças ao motor 3.2 a diesel com injeção direta, que entregava a potência esperada de um veículo robusto e a economia de combustível tão desejada.

Leia também: Nova Mitsubishi L200 Triton Sport: tudo sobre a picape renovada

A picape Mitsubishi L200 veio ao mundo em 1978, mas só foi desembarcar no Brasil em 1991, por meio importações independentes. A picape já está na sua quinta geração e continua sendo uma referência no segmento.

Dica: para quem deseja economizar mais um pouco e ainda levar uma picape mais potente, a versão com motor 3.5 a gasolina tem 200 cv e custa menos de R$ 50 mil.

Confira ofertas da Mitsubishi L200 Triton

4. Nissan Frontier LE 4x4 2.5 Manual (cab. dupla) 2009

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ R$ 57.822

Combustível: diesel 

Desempenho: 172 cv e 41,1 kgfm de torque / 0 a 100 km/h em 12,5 segundos

Consumo: 10 km/l na cidade e 13 km/ litro na estrada

Das picapes da lista, a Nissan Frontier é a mais potente, e por pouco não tem o melhor desempenho do ranking. No entanto, considerando suas proporções robustas, levar o velocímetro de 0 a 100 km/h em 12,5 segundos é uma boa performance para um veículo desta categoria.

A picape foi fabricada no Brasil de 2002 até 2016, quando a atual geração passou a vir do México e, depois, da Argentina. Ao chegar à segunda geração, em 2007, teve a versão LE (Limited Edition) importada da Espanha. A configuração chamava a atenção pela generosa lista de itens de série. 

Confira ofertas do Nissan Frontier

5. Toyota Hilux 4x4 SR 3.0 Manual (cab. dupla) 2006

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ R$ 60.581

Combustível: diesel

Desempenho: 163 cv e 35 kgfm de torque / 0 a 100 km/h em 12,9 segundos

Consumo: 9 km/l na cidade e 10,9 km/l na estrada

A Toyota Hilux é a picape mais antiga desta lista. Mas não deixa a desejar no quesito desempenho para modelos mais novos. A segurança, a confiabilidade e a reputação da marca japonesa fazem com que mesmo uma Hilux de 14 anos atrás tenha valor alto de revenda, graças à baixa desvalorização do produto.

Leia também: Conheça as picapes mais econômicas vendidas no Brasil

Os pontos negativos ficam só por conta da quilometragem, já que será preciso fazer um bom processo de busca para encontrar um exemplar em boas condições.

Para isso, é possível usar o classificado online da Mobiauto para encontrar as ofertas mais próximas da sua região e com vários filtros para refinar sua busca. Outro fator que lhe deixa em desvantagem diante das rivais é o consumo: ela é a picape menos econômica da lista.

Confira ofertas do Toyota Hilux 

6. Volkswagen Amarok 2.0 Turbo SE 4x4 TDi (Cab Dupla) 2011

Com os valores das picapes novas longe de serem acessíveis, a saída é garimpar o mercado de usados para encontrar a melhor opção. Nós te ajudamos

Preço: R$ 61.854

Combustível: diesel

Desempenho: 163 cv e 40,8 kgfm de torque / 0 a 100 km/h em 11,1 segundos

Consumo: 9 km/l na cidade e 13,1 km/l na estrada

A Volkswagen Amarok é uma das picapes mais desejadas atualmente, mas há tempos ela é um modelo que mexe com o coração de quem aprecia uma vida off-road conduzindo uma pegada com “pitada” de carro de passeio. 

Leia também: Nova Mitsubishi L200 Triton Sport: tudo sobre a picape renovada

Apesar de ser a última da lista, por conta do valor, é uma das mais interessantes, por conta do motor 2.0 turbo de 163 cv e 40,8 kgfm de torque (aquele mesmo, o do dieselgate, mas que passou por recall para reprogramar o software e oferece ótimo desempenho). 

Com ele, a picape vai de 0 a 100 km/h em 11,1 segundos, um tempo extraordinário para este segmento. Mas assim como a Toyota, a marca alemã tem uma baixa desvalorização dos seus modelos, o que faz com que o valor da Amarok, mesmo 2011, ainda seja elevado. Mas convenhamos: não deixa de ser justo pelo custo-benefício. 

Confira ofertas do Volkswagen Amarok 

Talvez você também se interesse:

Conheça as picapes mais econômicas vendidas no Brasil
As picapes mais fortes do Brasil (já com as novas Amarok V6 e Hilux)
Ram 1500: picape de R$ 300 mil chega em 2021 com motor híbrido
Chevrolet Silverado, Ram 1500 e Ford F-150: picapes grandes vêm ao Brasil?

Picapes de até R$ 60 milPicapes de até 50 milPicapesPicapes economicasPicapes potentes Picapes 4x4 off-road
Comentários