Segredo: Hyundai terá picape compacta no Brasil contra Montana e Toro

Fabricante já havia criado protótipo de um projeto do tipo, mas que ficou engavetado até agora
Renan Bandeira
Por
22.02.2024 às 11:15
Fabricante já havia criado protótipo de um projeto do tipo, mas que ficou engavetado até agora

As picapes são as queridinhas do mercado. Ano passado, tivemos uma amostra de como as marcas estão empenhadas a ganhar espaço nesse mercado. Lançamentos de Chevrolet Montana, Ram Rampage, Fiat Strada turbo, Chevrolet Silverado e as Ford Ranger e F-150, são exemplos dessa empreitada. E a Hyundai também quer entrar nessa jogada.

Muitos já cotaram a chegada da Hyundai Santa Cruz, uma picape intermediária que poderia rivalizar com Ram Rampage e Ford Maverick. No entanto, fontes próximas a fabricante sul-coreana afirmaram à Mobiauto que será um modelo menor, ainda em desenvolvimento e de custo mais baixo. Afinal, uma importação faria a Santa Cruz custar caro aqui.

Você também pode se interessar por:

Vale lembrar que a Hyundai já havia apresentado um conceito parecido com essa ideia, lá no Salão do Automóvel de São Paulo em 2016. O produto tinha a silhueta de picape, claro, mas a frente era do Creta da primeira geração vendida aqui. Quatro anos depois, na Índia, o site Indian Auto Blog até fez uma projeção de como seria o produto reestilização.

Mobiauto entende que o produto será criado a partir da espinha do Creta. Basicamente o que vemos entre Chevrolet Tracker e Montana, e que acontecerá entre Volkswagen T-Cross e a nova Tarok.

Ou seja, teremos mais uma picape com estrutura do tipo monobloco, voltada para uso urbano. Ainda não há data para sua chegada, mas nossa redação prevê que o produto fique para 2026 ou 2027, pensando no tempo hábil para construção de um projeto desse tipo, que leva entre dois e três anos para ficar pronto.

Ainda é cedo para cotar qual será o seu visual e motorização, tendo em vista que até lá haverá uma série de mudanças significativas em legislações de emissão, que podem tornar os motores atuais obsoletos.

De qualquer forma, podemos esperar por um produto que tenha plataforma e boa parte dos componentes vindos do Creta – e os motores que o SUV compacto estiver usando no momento. Por dentro, o mesmo compartilhamento deverá acontecer com painel frontal, painéis de portas, cluster de instrumentos, volante, multimídia e parte do console central.

Suas principais rivais no Brasil serão Chevrolet Montana, Volkswagen Tarok e Fiat Toro, que deverá estar próxima de uma segunda geração nessa fase. E a faixa de preço acompanhará a pedida dessas concorrentes.

O projeto já está em andamento e pode aparecer em outros mercados antes mesmo de chegar ao Brasil. Mobiauto continuará investigando o caso e trará novidades em breve sobre a nova picape da Hyundai.

Receba as reportagens da Mobiauto via Whatsapp

Hyundai
Hyundai picape
Hyundai picape compacta
Hyundai picape compacta
Picape
Picape compacta
Nova picape compacta

Comentários