Confirmado: Fiat Strada terá câmbio automático já em 2021

Nova configuração da picapinha chegará ao mercado em meados do segundo semestre. Nova versão de entrada também deve vir
Por Leonardo Felix
03.02.2021 às 18h:15 • Att. há 5 meses
Nova configuração da picapinha chegará ao mercado em meados do segundo semestre. Nova versão de entrada também deve vir

Confirmando a informação divulgada pela Mobiauto em novembro do ano passado, o grupo Stellantis confirmou a chegada da Fiat Strada 1.3 com câmbio CVT para o segundo semestre deste ano. O anúncio foi feito pelo diretor da Fiat no Brasil, Hernander Zola, em entrevista concedida a jornalistas nesta quarta-feira (3). 

"Neste ano teremos o lançamento da nova Fiat Toro, da Strada automática e de um SUV para o segmento B", afirmou Zola, de acordo com o site da revista Autoesporte – a Mobiauto, infelizmente, não foi convidada para a coletiva.

Confira o valor do seu carro na Tabela Fipe

O diretor não detalhou os meses de chegada de cada um desses produtos, mas adiantou que a Strada CVT ficará para o segundo semestre. Nossa aposta é que o lançamento ocorra entre o da Toro 2022 (previsto para junho) e o do SUV do Argo, que atrasou e deve ficar para setembro ou outubro. Ou seja, ela possivelmente chega entre julho e agosto.

O câmbio CVT estará aliado apenas ao motor 1.3 Firefly quatro-cilindros flex 8V, de 101/109 cv de potência e 13,7/14,2 kgfm de torque (gasolina/etanol). Ele será mais simples que a caixa com engrenagem de arrancada que comporá a futura gama turbo de Fiat e Jeep, mas ainda deve promover simulação de marchas. 

A configuração tende a ser oferecida nas versões Freedom e Volcano cabine dupla, marcando a chegada da linha 2022 da picape mais vendida no Brasil. Nos próximos anos, também será aplicada ao hatch Argo e ao sedan Cronos.

Leia também: VW Gol 2022 já está nas lojas e chega a R$ 76 mil

Nova versão de entrada

Nova configuração da picapinha chegará ao mercado em meados do segundo semestre. Nova versão de entrada também deve vir

Também neste ano a segunda geração da Strada deve ganhar uma nova versão de entrada, chamada Working, sempre em configuração cabine plus dotada do velho motor 1.4 Fire flex, também quatro-cilindros 8V, de 85/88 cv, e de câmbio manual.

Ela substituirá a antiga Strada Hard Working cabine simples de primeira geração, que teve sua produção encerrada no fim do ano passado e foi oficialmente aposentada em janeiro após mais de 22 anos de mercado.

Leia também: Carros para PCD: as 8 opções que restam com isenção total

De acordo com o site Autos Segredos, a nova Strada Working terá como destaque a capacidade de carga de 770 kg, contra 720 kg das atuais versões Endurance e Freedom cabine plus e 705 kg da velha e agora extinta Stradinha Hard Working. 

Voltada ao trabalho, deve contar com uma lista de equipamentos enxuta e rodas de aço. Ainda não está claro se ela será lançada junto com a Strada CVT, antes ou depois. Mas o lançamento também acontecerá em 2021.

Você também pode se interessar por:

Avaliação: Fiat Strada Cabine Plus aguenta o tranco como a antiga?
Avaliação: Fiat Strada Volcano Cabine Dupla é boa picape de passeio?
As 6 melhores picapes 4x4 cabine dupla entre R$ 50 mil e R$ 60 mil
Fiat terá três SUVs tamanho P, M e G no Brasil nos próximos anos
Assinar um Fiat ou Jeep custará de R$ 1.350 a R$ 4.730 por mês 

fiat stradanova fiat stradafiat strada automáticafiat strada CVTpicapepicape compactapicape automática

Comentários