VW Nivus e T-Cross terão novas versões de entrada com motor do Up!

Motor 170 TSI sairá das cinzas para tornar os SUVs de entrada da Volkswagen mais atrativos no mercado, pelo menos na Argentina
Por Renan Bandeira
02.12.2021 às 18h:55 • Att. há cerca de cerca de 2 meses
Motor 170 TSI sairá das cinzas para tornar os SUVs de entrada da Volkswagen mais atrativos no mercado, pelo menos na Argentina

Os VW Nivus e T-Cross terão novas versões de entrada em breve. Elas usarão o motor 170 TSI, que pertenceu durante alguns anos ao finado Up!, em uma configuração apenas a gasolina, que chegará à Argentina em um primeiro momento.

O diretor comercial da VW no país vizinho, Martín Massimino, confirmou ao Motor1 Argentina que as novas configurações devem ser entregues aos concessionários hermanos entre o fim deste ano e início de 2022.

Anuncie seu carro sem pagar na Mobiauto

A Mobiauto pode afirmar que o Nivus 170 TSI a gasolina já está em produção em São Bernardo do Campo (SP) há algumas semanas. O motor rende 101 cv de potência e 16,7 kgfm de torque (ou 165 Nm, arredondados na sigla para 170).

Tanto ele quanto o T-Cross vendidos com essa especificação terão câmbio manual de cinco marchas. As especificações devem, em um primeiro momento, existir apenas para exportação.

Atualmente, o Nivus é comercializado na Argentina nas mesmas versões existentes no Brasil, apenas com o propulsor 200 TSI, 1.0 três-cilindros turbo com injeção direta, só que apenas a gasolina, de 116 cv e 20,4 kgfm, casada ao câmbio automático de seis marchas da Aisin.

Leia também: Exclusivo: novo VW Virtus terá faróis de Nivus e será diferente do Polo

Assim, a opção 170 TSI chegaria como uma versão inédita de entrada, chamada Trendline, com caixa manual de cinco velocidades. A versão deve ser uma resposta antecipada ao Fiat Pulse 1.3, lançado recentemente no Brasil e que deve chegar à Argentina em breve.

Já o T-Cross comercializado por lá possui uma opção Trendline manual, porém 1.6 MSI de 110 cv e 15,8 kgfm. Assim, a versão Trendline 170 TSI muito provavelmente chegaria para substituí-la.

No Brasil, o motor 170 TSI é flex e calibrado para entregar até 105 cv de potência e 16,8 kgfm de torque de torque com etanol. Os dados com gasolina são os mesmos. Já o 200 TSI flexível vendido no país alcança 128 cv com o combustível vegetal. O torque permanece sempre em 20,4 kgfm.

Exclusivamente no Brasil, o T-Cross oferece ainda a versão de topo Highline 250 TSI, com o propulsor 1.4 quatro-cilindros turboflex de 150 cv e 25,5 kgfm com qualquer combustível, também automática de seis velocidades.

Leia também: Exclusivo: novo VW Polo nacional será igual o europeu... só na frente

Mais carros com 1.0 do Up!

Nivus e T-Cross 170 TSI, por enquanto, devem existir apenas em outros países da América do Sul, mas eles não serão os únicos a ganharem essa nova opção. Segundo apurações da Mobiauto, os novos Polo e Virtus, que serão lançados em 2022, receberão o propulsor em suas versões intermediárias.

Eles devem aparecer tão logo quanto os irmãos altinhos. Tanto o hatch quanto o sedan serão renovados visualmente e podem chegar ao mercado já no primeiro semestre do ano que vem, como linha 2023, quando devem receber também as novas opções de trem de força.

Você também pode se interessar por:

Cinco qualidades do VW Up! que nenhum outro carro popular teve
Carros mais vendidos de novembro: Chevrolet Onix volta com tudo à ponta
Chevrolet Spin terá motor recalibrado para seguir nas lojas em 2022
VW ID.3: órfãos do Golf estão preparados para um sucessor elétrico no Brasil?


Carro SUV
SUV compacto
VW Nivus
VW T-Cross
Novo motor Nivus
Novo motor T-Cross
Nova versão Nivus
Nova versão T-Cross
rosto de óculos escuros

Comentários