Novo BMW X5 M Competition chega ao Brasil custando quase R$ 1 milhão

Por R$ 973.950, SUV oferece o já conhecido porte de respeito, mas com , 625 cv e tecnologias semiautônomas
Camila Torres
Por
19.05.2021 às 17:46
Por R$ 973.950, SUV oferece o já conhecido porte de respeito, mas com , 625 cv e tecnologias semiautônomas

O BMW X5 M Competition é o tipo de carro que faz você virar a cabeça se cruzar com ele na rua e ficar de queixo caído. Talvez o seu queixo caia mais ainda não pela beleza, mas pelo preço: R$ 973.950 é a pedida pelo SUV esportivo, apresentado oficialmente nesta quarta-feira (19) e que chegará ainda este mês às concessionárias no Brasil. 

Anuncie seu carro sem pagar na Mobiauto

A versão esportiva do BMW X5 chega importada dos Estados Unidos, mais precisamente da cidade de Spartanburg (SC). No Brasil, a marca já comercializa a configuração híbrida plug-in do modelo, xDrive45e M Sport, por R$ 597.950.

Leia também: Range Rover Evoque voltará a ser montado no Brasil com duas versões flex


Como anda o BMW X5 M Competition? 

A versão topo de linha do SUV é munido de um poderoso propulsor biturbo de oito cilindros responsável por entregar 625 cv de potência a 6.000 rpm e 76,4 kgfm de torque entre 1.800 rpm e 5.600 rpm.

Quem se atrever a domar toda essa cavalaria pode chegar a até 290 km/h (e olha que a máxima é controlada eletronicamente…). Para levar o velocímetro de 0 a 100 km/h, o X5 M Competition precisa de apenas 3,8 segundos. As trocas de marcha são feitas através da transmissão automática esportiva de oito velocidades. 

Leia também: Carro elétrico mais vendido no Brasil é um Porsche de até R$ 1 milhão

Mas não é só o motor o responsável por tornar a direção do modelo singular. A BMW apostou no pacote Competition, que inclui vários sistemas e apetrechos para tornar a dirigibilidade ainda mais empolgante. Confira abaixo: 

● Personalização dos modos de pilotagem M1 e M2

● Sistema de exaustão M Sport

● Diferencial M de deslizamento limitado

● Efeito auto bloqueante

● Suspensão específica e adaptativa M com amortecedores controlados eletronicamente

● Barras estabilizadoras e barras anti-rolagem da carroceria ativas (deixam o desempenho mais dinâmico)

● Bancos esportivos M do motorista e do passageiro com ajuste elétrico de lombar, ventilação e aquecimento

● Interior com acabamento em fibra de carbono e revestimento do teto em Alcântara


O que mais o BMW X5 M Competition oferece por quase R$ 1 milhão?

Funções semiautônomas: controle de funções por gestos; direção inteligente em dias de trânsito ou em longas viagens; estacionamento automático por meio de câmeras e sensores; reconhecimento de animais e pedestres.

Conveniência: Soft Close (fechamento das portas por sucção por completo. Além disso, essa versão conta com som Bowers & Wilkins Diamond com amplificador de 10 canais com 1508W distribuídos em 20 alto-falantes, tecnologia Quantum Logic Surround com equalizador de 7 bandas. 

Leia também: 22 SUVs que serão lançados no Brasil em 2021

Drive Recorder: o sistema usa as quatro câmeras instaladas no carro para fazer vídeos em 360º. O que pode render ótimos registros de viagens ou ser muito útil em caso de acidentes. Neste último caso, o recurso é ativado automaticamente. 

Digital Key: disponível de forma parecida em carros mais acessíveis que o BMW X5 M Competition, como o Jeep Compass e Fiat Toro, através de um aplicativo que precisa ser instalado no celular, permite exercer funções como trancar e até ligar o carro com alguns cliques. O proprietário também pode criar mais chaves virtuais e compartilhar com até cinco pessoas, que podem acessar até via Apple Watch.

BMW ConnectedDrive: informações sobre o trânsito em tempo real, notícias do dia, previsão do tempo, relacionamento entre o cliente e rede de concessionárias e serviço de Concierge são algumas das funcionalidades do sistema, que também tem conexão com a Amazon Alexa.


Talvez você também se interesse: 

Anuncie seu carro sem pagar na Mobiauto
19 carros híbridos e elétricos que devem ser lançados no Brasil em 2021
Range Rover Evoque voltará a ser montado no Brasil com duas versões flex
Volvo será primeira marca a não vender mais carros a combustão no Brasil
22 SUVs que serão lançados no Brasil em 2021

Comentários