Avaliação Toyota Hilux

Toyota Hilux está há 51 anos no mercado e continua tendo uma posição de destaque nas vendas de picapes.

Imagem de Camila Torres

Camila Torres

Jornalista

16 de Agosto de 2019 às 15:37

·

Atualizado há um ano

Avaliação Toyota Hilux

Imagem de Camila Torres

Camila Torres

Jornalista

16 de Agosto de 2019 às 15:37

·

Atualizado há um ano

A Toyota Hilux, picape média de origem japonesa está circulando pelas ruas desde 1968 e já está na 8º geração. Mesmo com tantos anos no mercado, o modelo continua em uma posição de destaque no ranking de vendas. No 1º semestre de 2019 a Hilux foi a 3º picape mais vendida do país e a 1º na categoria média. 

Boa parte do sucesso do modelo é justificada pela reputação de carros de qualidade da Toyota, que mesmo com muito tempo de uso, apresentam poucos ou nenhum problema e ainda têm um bom valor de revenda. Outro ponto que impulsiona as vendas da picape é o que ela proporciona para o seu dono, pois, atende bem os critérios exigidos por esta categoria, como ter boa performance fora do asfalto, encarando qualquer tipo de terreno, força e potência para transportar carga e a robustez esperada de uma picape. Quer saber mais? Confira a avaliação da Toyota Hilux SR 2.8 Turbo Diesel 4X4 Automático com cabine dupla, comercializada por nada menos que R$ 169.940. 

Versões e valores Toyota Hilux

SR 2.7 Flex 4X2 Manual C. Dupla: R$ 119.940
SR 2.7 Flex 4X2 Automático C. Dupla: R$ 125.440
SRV 2.7 Flex 4X2 Automático C. Dupla: R$ 135.190
SRV 2.7 Flex 4X4 Automática C. Dupla: R$ 146.590
STD Power Pack 2.8 Diesel 4×4 Manual C. Dupla: R$ R$ 149.705
SR 2.8 Turbo Diesel 4X4 Automático C. Dupla: R$ 169.940 (Versão Avaliada)
SRV 2.8 Turbo Diesel 4X4 Automático C. Dupla: R$ 187.890
SRX 2.8 Turbo Diesel 4X4 Automático C. Dupla: R$ 205.590
GR-S 2.8 Turbo Diesel 4X4 Automático C. Dupla: R$ 214.690

Confira ofertas da Toyota Hilux

Design

Linhas bem definidas, agressividade em cada traço e medidas robustas são características que marcam o design da Toyota Hilux. A grade hexagonal mais estreita com contorno cromado e as 3 barras pintadas na cor preta combinadas com os faróis achatados dão a picape um visual parrudo. O para-choque dianteiro, maçanetas externas, para-barros dianteiro e traseiro são na mesma cor da carroceria. Os retrovisores e os estribos laterais são na cor preta. O para-choque traseiro é cromado e as rodas são em liga leve aro 17′′. No geral, o conjunto é equilibrado e agradável aos olhos. 

Espaço 

A picape aparenta ter um espaço interno maior do que de fato tem. Como se sabe, medidas avantajadas nem sempre são sinônimo de espaço de sobra, a picape da Toyota é um bom exemplo disso. Mesmo com 3085 mm de entre eixos e 1855 mm de largura, os passageiros traseiros viajam apertados, beirando o desconforto. Isto acontece porque os bancos traseiros não são tão altos, deixando as pernas dos ocupantes mais dobradas. Quanto a largura, como toda a carroceria é mais robusta, encorpada, acaba tirando alguns milímetros de área livre que poderiam deixar a viagem muito mais cômoda. 

Comprimento: 5330 mm
Entre eixos: 3085 mm
Largura: 1855 mm
Altura: 1815 mm
Capacidade da caçamba: 1015 kg

Desempenho

A versão SR 2.8 com motorização Turbo a diesel de 4 cilindros, entrega 177 cavalos e 45,9 kgfm de torque, indo de 0 a 100 km/h em 13,8 segundos e podendo atingir até 180 km/h (limitado eletronicamente). A caixa de câmbio é automática de 6 velocidades e a tração é 4X4, com opção de 4X2 ou 4X4 reduzida com acionamento eletrônico e bloqueio do diferencial traseiro. 

Consumo

Como é de se esperar, picape não é uma categoria econômica, afinal, estamos falando de um veículo pesado e que tem como uma das principais funções transportar carga, isto exige um motor potente, fazendo o consumo de combustível ser maior, podendo aumentar se o câmbio for automático. A Toyota Hilux SR 2.8 Turbo Diesel Automática, apresenta uma autonomia intermediária, fazendo 9,0 km/litro na cidade e 10,5 km/litro na estrada. A picape média de marca asiática recebeu nota ‘C’ na Classificação PBE na Comparação Relativa da Categoria, já a concorrente também japonesa Mitsubishi L200 Triton conquistou nota “A”, sendo a picape a diesel mais econômica comercializada no Brasil. 

Leia também: Conheça as picapes mais econômicas vendidas no Brasil

Segurança

No teste  de impacto realizado pelo Latin NCAP em 2015, a picape conquistou 5 estrelas de 5 nas 2 categorias: adulto e infantil. A Toyota não economizou nos itens de segurança da Hilux, o modelo conta com 2 airbags frontais, 2 de joelho (motorista), 2 laterais e 2 de cortina, controle de velocidade de cruzeiro, câmera de ré, controle eletrônico de estabilidade (VSC) e de tração (A-TRC), assistente de reboque (TSC), de subida (HAC) e de descida (DAC), imobilizador por código eletrônico na chave, freios com ABS e EBD.

Confira ofertas da Toyota Hilux

Compraria?

O espaço poderia ser maior e o consumo de combustível poderia ser melhor. Mas para compensar, o design, a performance e a segurança atendem as expectativas. Se o valor não for um problema, não for fazer viagens longas com 5 ocupantes e a capacidade de 1015 kg caçamba for o suficiente para o que você quer transportar, a Toyota Hilux é uma opção para ocupar a sua vaga na garagem.

Talvez você também se interesse:

Avaliação Fiat Toro, picape é mais do shopping do que da terra
Veja detalhes do Carro mais caro do mundo
10 Carros de Cristiano Ronaldo que vão de 300 mil a 48 milhões
5 Supercarros que ultrapassam os 400 km/h

Veja mais fotos do carro:

Comentários

Outras notícias

Notícias de Avaliação que possam te interessar

Curiosidade

Novo Peugeot 208: o que evoluiu no motor 1.6 desde a estreia com o 206

O que mudou no veterano motor usado pela nova geração do hatch ao longo de 22 anos.

Lançamentos

Avaliação: novo Peugeot 208 1.6 tem chance contra Onix, HB20 e Polo?

Testamos a versão Griffe, a mais completa (a cara) da nova geração do hatch

Lançamentos

Avaliação: Ford Territory vai além da pose de SUV de luxo?

Grande lançamento da marca no ano é projeto chinês com jeito de Land Rover. Será que a receita dá certo?

Comparativo

Comparativo: vale gastar o dobro de um Toyota Corolla em um Camry?

Comparamos design, espaço, desempenho, dirigibilidade, consumo e segurança dos irmãos Camry e Corolla.

Outras notícias

Notícias de Avaliação que possam te interessar

Curiosidade

Novo Peugeot 208: o que evoluiu no motor 1.6 desde a estreia com o 206

O que mudou no veterano motor usado pela nova geração do hatch ao longo de 22 anos.

As últimas notícias

Novidades, eventos, avaliações e muito mais

Lançamentos

Velho Nissan March renasce das cinzas com cara dos novos Kicks e Versa

Flagra do veterano hatch renovado põe em xeque sua aposentadoria.

Como Comprar

10 SUVs com mais de 400 litros de porta-malas

Esses são os maiores porta-malas entre os SUVs compactos.

Curiosidade

Você já pode assinar um carro da Audi como se fosse Netflix

Serviço mensal está disponível para os modelos A6, A7, Q8 e e-tron. Mas para bancar...

Lançamentos

Exclusivo: Chevrolet Onix 2021 já é vendido na rede. Veja versões e preços

Hatch e sedan perderam itens de série nas versões básicas e intermediárias.

As últimas notícias

Novidades, eventos, avaliações e muito mais

Lançamentos

Velho Nissan March renasce das cinzas com cara dos novos Kicks e Versa

Flagra do veterano hatch renovado põe em xeque sua aposentadoria.